Por que integrar assessoria de imprensa com marketing digital?

Tempo de leitura: 3 minutos

Divulgação orgânica na mídia traz leads qualificados e fortalecimento de marca

Poucos anos atrás, a assessoria de imprensa corria em paralelo a outras áreas responsáveis pelo fortalecimento da imagem de uma empresa, como publicidade e marketing. Essa distinção ficou no passado. Com a popularização da internet e o foco da comunicação nesse meio, a fronteira que separava essas atividades ficou tênue e foi possível integrá-las para atingir o objetivo em comum de forma complementar.

E é difícil encontrar um ponto em que essa convergência seja mais proveitosa do que no encontro entre assessoria e o marketing digital.

Ainda assim, no momento de traçar estratégias de marketing digital muitos gestores ainda subestimam ou ignoram o trabalho de divulgação na mídia de forma orgânica. Isto é um erro. Trabalhada de forma correta essa é mais uma porta de entrada para o funil de vendas da empresa. Se os profissionais forem capazes de filtrar os veículos de comunicação mais adequados para o caso em questão, há o benefício complementar de lidar com o público qualificado. Em outras palavras, mais leads, mais vendas, mais negócios.

Técnicas específicas permitem melhorar a imagem da empresa de uma forma tangível e importante: com uma posição de destaque em buscadores como o Google. Isso requer a escolha certa de palavras-chave no desenvolvimento do texto, voltada para SEO (Search Engine Optmization), assim como a inserção de links para Link Building.

A essas vantagens se somam os benefícios tradicionais da assessoria de imprensa. Aparecer em veículos relevantes de mídia torna o nome do cliente conhecido, fortalece e consolida a marca. A listagem de publicações, é, inclusive, um ótimo material para ser exibido dentro do próprio site institucional. Com o uso das redes sociais, fica fácil catapultar os resultados orgânicos obtidos por meio do impulsionamento de posts. Veja resultados reais de assessoria de imprensa aqui.

Vale frisar que o resultado desse trabalho difere de uma divulgação paga. Para quem se familiariza ou têm acesso a uma empresa ao ler uma matéria em um portal, por exemplo, o sentimento é descobrir algo novo – uma relação espontânea e ativa. Quando isso ocorre por meio de publicidade off ou online, ele é passivo, recebe a mensagem dentro de outro contexto.

Como complemento, há o fato de a assessoria de imprensa ser ter um custo relativamente baixo. Há opções moldadas para PMEs, startups e outras empresas com orçamento limitado para investir em comunicação que são capazes de atendê-las maneira pontual ou em contratos que se adequem a seu budget.

Ambos os canais são importantes e dão resultado, mas lado a lado são capazes de preencher uma estratégia de comunicação sob os matizes possíveis. É um mix de opções para integrar os canais de comunicação que permitem a cada empresa atingir os objetivos do cliente com uma caixa de ferramentas mais variada e poderosa.

No fim do dia, relacionamento com imprensa, produção de conteúdo, publicidade e marketing convergem em direção ao mesmo destino. Uma nova realidade que já é visível no mercado: um movimento que ganha força de agências de publicidade que compram assessorias para diversificar o portfólio de serviços oferecidos. Quem ganha é o cliente.

Por Michel Bekhor – Press Works Assessoria de Imprensa

 

 

 

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.