Blog

Veja como o cérebro assimila cada tipo de conteúdo

Blog

Produzir conteúdos para anúncios ou para o tráfego orgânico em formatos diferentes é uma forma de atingir diversos perfis de usuários e aumentar a abrangência da audiência. Mas, você sabia que o cérebro assimila cada conteúdo de um jeito?

Isso implica que cada tipo de mensagem que se deseja passar com o anúncio deve ser transmitida no melhor formato, variando de acordo com o objetivo que se pretende atingir.

Segundo o cientista norte-americano Howard Gardner, a Teoria das Inteligências Múltiplas demonstra que existem nove tipos de inteligências observadas nos seres humanos, o que comprova que o cérebro aprende os diferentes formatos de maneira única e, ao mesmo tempo, causa impactos na memória, raciocínio e até nos sentimentos.

Visando estreitar a relação com o público-alvo de seu negócio, a Webfoco promoveu este conteúdo para apresentar como o cérebro identifica e compreende cada modelo de divulgação de informações.

Conteúdo escrito

Materiais como e-books, artigos, páginas de site e estudos de casos fazem com que o leitor se coloque no lugar ao autor, desenvolvem e melhoram a atenção diante do conteúdo, bem como permite que o leitor pare e pense sobre o tema abordado.

Geralmente, essa estratégia é utilizada para oferecer informações relevantes ao usuário e, consequentemente, criar uma conexão com o público. Além disso, esses materiais permitem que o leitor abra a mente para as ideias do autor e incentiva o usuário a colocar as experiências e habilidade próprias em prática.

É exatamente este modelo de conteúdo que nossa equipe de consultoria SEO aposta para a criação dos textos. Dessa forma, os clientes da área de otimização de sites da Webfoco terão acesso à conteúdos robustos, informativos e que serão totalmente personalizados tanto para o robô dos mecanismos de busca quanto para os usuários.

Conteúdo visual

Uso de infográficos, e-books visuais, mapas mentais e slides garantem que o conteúdo seja compreendido em 1/10 segundo. Isso acontece porque 90% das informações transmitidas ao cérebro são visuais.

A indicação desses materiais é para simplificar informações complexas e tornar o conteúdo mais fácil de ser entendido, para em seguida atrair mais atenção do leitor.

Conteúdo interativo

Fóruns, quiz, infográficos e e-books interativos são criados com o objetivo de estimular a memorização e aumentar o nível de participação das pessoas. Como? Através de anúncios em redes sociais, pois a maioria dos conteúdos interativos são compartilhados nas plataformas como Facebook e Instagram em forma de campanha no Facebook Ads e Instagram Ads, por exemplo.

A aplicação desses materiais é essencial quando o conteúdo precisa ser retido na memória e exige um alto nível de compartilhamento. Por fim, esse estímulo proporciona um engajamento pessoal ao usuário.

Conteúdo em vídeo

Vídeos educacionais, de entretenimento, vlogs e webinários têm a finalidade de fazer o leitor sentir, portanto, devem sustentar uma conexão emocional com o leitor.

Como o cérebro humano pode registrar cerca de 36 mil mensagens visuais por hora, é possível criar conteúdos que ensinam conceitos complexos, contar uma história ou falar sobre os produtos de uma empresa.

Que tal saber mais sobre os conteúdos para anúncios com a equipe Google Adwords da Webfoco? Ou está interessado em investir no tráfego orgânico com as estratégias de Inbound Marketing? Entre em contato com a Webfoco e tire todas as suas dúvidas com as respectivas equipes, as quais possuem a expertise necessária para ser a ponte entre sua empresa e os seus clientes.

(11) 4116-6000